1. Isolados pela segregação racial, artistas negros sul-africanos tiveram acesso restrito e desigual a escolas de arte e estúdios, sendo forçados a explorar e reinventar métodos de criação durante o apartheid. Por seu baixo custo, flexibilidade e portabilidade, a gravura foi o meio que impulsionou o surgimento de coletivos, publicações, workshops, escolas e teatros, que eram abertos a todas as raças. O resultado lindo e impactante desse diálogo, fundamental durante a resistência política na África do Sul, está na exposição Impressions from South Africa, 1965 to Nowno MoMA até 14 de agosto.

     

    Tagged #MoMA #gravura
     
  1. becodapoeira likes this
  2. frankath posted this